Domingo, 27 de Junho de 2010
Maltrato en las relaciones de pareja: Estilos de personalidad, sintomatología..

En el presente trabajo analizamos el maltrato contra las mujeres ejercido por la pareja o el cónyuge UM través de un estudio de naturaleza exploratória, descriptivo y transversal . Hemos UM total de 43 evaluado mujeres con el el un Millon Clinical Multiaxial Inventory -II (MCMI- II, Millon, 1999), La Escala de Ajustamento Diádico (DAS, Spanier, 1976), y una Adaptación de la Entrevista Semiestructurada Sobre maltrato Doméstico (Echeburúa, Corral, Sarasua, Zubizarreta y Sauca, 1994). Concluíamos que: 1) se trataba de un Conjunto de mujeres maltratadas Que se caracterizaban Por haber sufrido experiencias de malos tratos Sepulturas en sus relaciones de pareja, su intensidad respecto um, Duración , y frecuencia extensão, 2 ) por un lado aunque el grupo de maltratadas mujeres y la calidad valoraba el Ajuste de sus relaciones de pareja de forma deficiente e insatisfactoria; Por otro lado, algunos Aspectos de la relación quedaban preservados, 3 ) não se constataba la presencia Clinicamente Significativa de sintomatologia ansiosa depresiva más y en la mitad de de las mujeres estudiadas . No se observaron diferencias sintomatológicas las mujeres de Entre Ambos asistenciales Recursos, 4) hallamos alteraciones en sus Estilos de personalidad , predominando los Perfiles esquizoides, Dependientes , evitativos y , y 5), las mujeres que habían sufrido malos tratos en su infancia se diferenciaban de Não las Que hum respecto algunas circunstancias del maltrato y en Em determinadas escalas de personalidad y clínica, psicopatológica prefeito Mostrando gravedad. Futuras Pesquisas Muestras más con el Amplias determinar deberán Alcance de aportación ESTA. Para más información Consultar Doctorales tesis en red

 

Davins i Pujols Montse .

 

[Tese] Universidad de Doutorado : URL. Departamento / Instituto : FPCEEB Psicologia. Área de conocimiento : Psicologia . Dirección de la tesis : Pérez Testor , Carles . Fecha de defensa : 2005/01/04 .



publicado por enfarpeladasocumveu às 00:23
link do post | comentar | favorito
 O que é? |

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

O cérebro controla quanto...

3 ilusões óticas que desv...

Could changes in thinking...

“Bullying” na infância te...

AS ARMAS BIOLÓGICAS CONTR...

Como o genoma de 14 esque...

SINAIS PRECOCES DE UM POS...

Qué es la matriz extracel...

Estimulación Magnética Tr...

Part 7/8: Poetry of Perce...

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Julho 2016

Março 2016

Dezembro 2015

Março 2015

Janeiro 2015

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2013

Janeiro 2013

Junho 2012

Maio 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Novembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

favoritos

Entrevista a Alexandre Fr...

As feromonas da maçã

Reivindicar outra avaliaç...

A coragem para dizer: bas...

Dez Princípios para uma R...

Pode alguém ser quem não ...

links
Artist a Day
TEMPO
Lisbon Time
CURRENT MOON
CURRENT MOON
Fazer olhinhos
CITAÇÕES
blogs SAPO
subscrever feeds